Camila Oliveira / Ocione Poeta Menor





Camila Oliveira




Recíproca 


Muitas vezes sentimos que as pessoas que mais devotamos amor não nos ama, ou muitas vezes questionamos a intensidade do amor demonstrado. Chegamos a pensar que as pessoas no qual não devotamos o nosso amor, são mais merecedoras do que as que o recebem intensamente.
Há uma sensação de que sempre recebemos mais amor de que quem menos nos doamos.
Porém, a insatisfação não está na desproporção do amor fornecido para o amor recebido, mas sim na expectativa de recíproca pelo amor doado.
Por isso, AME sem esperar amor em troca, dessa forma verás o quanto serás surpreendido quando o amor lhe alcançar espontaneamente. 


Camila Oliveira – 23/12/2012 




Escrever 



Escrever ...
É uma arte;
É selecionar letras;
É unir vogais com consoantes;
É se arriscar na escolha da palavra;
É se aventurar fazendo o uso das entrelinhas;
É colocar para fora o que ficaria apenas em pensamento;
É não ter limites para criar palavras, frases, textos, versos, poemas...
É expressar o dom que existe dentro de si;
É compartilhar ponto de vista;
É se tornar eterno pelas palavras;
É fazer uso do dom que foi dado ao ser humano, o de falar em silêncio! 



Camila Oliveira – 22/02/2008
 



Coisas da vida




Com o tempo para conseguir viver com qualidade é necessário conhecer a si
mesmo.

Conhecer, não consiste no simples fato de enxergar virtudes e defeitos, mas
envolve também o autocontrole.

Autocontrole não pode ser confundido com a inibição de sentimentos e
pensamentos, mas sim com a inibição da manifestação de sentimentos e
pensamentos emitidos através de palavras e ações.

Ninguém jamais poderá ser feliz lutando contra sua essência. Essência não se muda
o que se muda são as ações. Os fatos, sempre existirão, mas o que fará a diferença
será o modo como o encaramos. Uma esfera será sempre uma esfera, mas cabe
a você decidir se vai enxergá-la como uma esfera, observando seu espaço e
dimensão, ou se simplesmente a enxergará como uma bola.

Quando passamos a nos aceitar, tendemos a aceitar os outros com mais facilidade,
entendendo que ninguém é igual a ninguém, por mais parecidos que sejam. Dessa
forma será mais fácil compreender suas virtudes e limitações. Mais uma vez será
de nossa responsabilidade escolher o que vai prevalecer em cada pessoa que
conhecemos, “seus defeitos ou suas qualidades?”.

Pessoas irão nos magoar, algumas vezes sem intenção, outras em virtude de suas
limitações e outras vezes por crueldade. Mas, haverá os que magoam e que com
arrependimento pedem perdão.

Perdoar – Consiste na remoção, no íntimo, dos fatos causadores da mágoa
decorrente da decepção.

Mais uma vez, caberá a nós deixar a mágoa, decorrente da decepção, nos sequelar,
ou conceber o perdão e se libertar do peso que é um coração amargurado.

É verdade que nem todas as pessoas que nos magoam irá nos pedir perdão, mas
ainda assim é sábio de nossa parte saber extinguir essa mágoa de nossa vida,
chega até ser uma questão de sobrevivência.

Quanto ao amor, jamais devemos exigir isso de alguém. Este sentimento tem que
ser concebido espontaneamente, sendo manifesto de acordo com as características
da personalidade de seu concebidor. Seria um grande equívoco achar que uma
pessoa não nos ama pelo simples fato desse amor não ser manifesto da forma que
nós desejamos.

Algumas vezes o amor jamais será expresso através de palavras, talvez esteja
escondido por trás de uma cama bem arrumada, de café da manhã bem
preparado, de um livro bem encapado, ou de um simples telefonema iniciado pela
pergunta: “Como você está?”. Em vista disso, devemos reconhecer e valorizar o
amor demonstrado independente de ser da forma pela qual esperamos.

Os amigos, na infância talvez sejam aqueles que constantemente estão presentes
em nossas brincadeiras, que algumas vezes durmam em nossa casa e que em
outras nos esteja de mal.

Com o tempo entenderemos que alguns amigos irão se distanciar por circunstâncias
da vida, mas jamais deixarão de ser nossos amigos. Será sempre aquele que
mesmo sem nos ver durante anos, em contato conosco, ainda saberá reconhecer,
como antigamente, a nossa expressão facial de felicidade ou de tristeza.

Algumas vezes teremos atritos com os nossos amigos, acharemos que talvez
seja o fim de uma grande amizade, esquecendo apenas de um detalhe: Que uma
grande amizade não tem fim. Muitas vezes o terremoto nos dar a oportunidade
de construir um alicerce mais seguro para que o nosso prédio não seja facilmente
abalado.

O segredo de vivermos bem não está na ausência de conflitos e dificuldades, mas
sim na forma que iremos enfrenta-los. Lembre-se, você não pode mudar os fatos,
mas pode mudar o modo como você os encara.

Camila Oliveira – 19/09/2012






Se...


Se a solidão não me pertencesse, talvez não me pertenceria também a arte de escrever, talvez não tivesse o dom de brincar com as palavras, de jogar com as letras.

Se todos os meus amores fossem correspondidos talvez não teria o dom de expressar sentimentos através da escrita, muito menos entenderia a complexidade da combinação de vogais e consoantes.

Se todos os meus amigos fossem presentes talvez não tivesse a necessidade de escrever um poema que descrevesse a grande falta que me fazem.

Se nada disso fizesse parte da minha vida, o meu ser não seria repleto de poesia e nem eu seria denominada poetisa.



Camila Oliveira 31/08/2008


 



Desejo...

Que o brilho do sol esteja sempre iluminando o seu caminho;
Que as pedras se transformem em flores em cada passo que você der
Que o brilho das estrelas te ilumine nas noites mais sombrias;

Que da sua face às lágrimas escorram refletindo apenas momentos felizes;

Que você nunca se canse de olhar a essência dos que te cercam, mesmo quando parecer não valer apena, pois muitas vezes a vida nos reserva grandes surpresas;
              
Que você faça do sonho um ensaio para a realidade, pois a vida é uma oportunidade única, onde não temos o poder de retroagir;

Que você seja sempre a principal razão da sua própria felicidade;

Que o orgulho, mantenha de você, a mesma distância que plutão mantém do sol;
 Que você não tenha grandes quantidades de amizades, mas que tenha poucas amizades, mas que tenham grandes qualidades
Que você nunca tenha como conclusão final, que amar não vale a pena;
Que você seja simplesmente e eternamente feliz!!!



Camila Oliveira – 29/11/2009 
(Correspondente)       






Ocione Poeta Menor 





MINHA HOMENAGEM AO POETA GONÇALVES DIAS




... Ó GUERREIRO DO SÉCULO PASSADO...
Ó GUERREIRO DO SANGUE TÚPÍ.
FALO EU EM TEUS VERSOS INSPIRADO,
Ó GONÇALVES TEUS CANTOS OUVÍ.


HOJE AINDA EXISTEM PALMEIRAS....
HOJE AINDA CANTA O SABIÁ.
HJE AS AVES AINDA GORJEIAM....
TODA TRIBO POSSUI MARACÁS!!!!


Ó POETA DA LUTA VENCIDA.
CAXIENSE DO MEU MARANHÃO.
NOS TEUS VERSOS DE LUTA RENHIDA
BUSCO HOJE MINHA INSPIRAÇÃO.


JA VÍ GUERRAS COMO A BALAIADA....
JÁ VÍ HOMENS COMO O BEQUIMÃO.
GUERRAS PRETAS COM A SETEMBRADA,
SÓ NÃO VEJO OUTRO CÉU-MARANHÃO!!!..



Ó POETA DOS INDIOS TIMBIRAS!.
EMIGUEIRO DOS VÍS AIMORÉS.
TEUS QUARTETOS E TUAS SEXTILHAS
NOS DÁ HJOJE O ESCUDO DA FÉ.


HOJE OS VERSOS QUE AO VATE OS FAÇO,
SÃO PEDAÇOS DO MEU CORAÇÃO,
DAI-LHE HOJE OH! DEUS AO GONÇALVES,
OS TEUS BRAÇOS : REAL PROTEÇÃO.


Ó GUERREIRO DO SÉCULO PASSADO,
Ó GUERREIRO DO SANGUE TUPÍ.
FALO EU EM TEUS VERSOS INSPIRADO,
Ó GONÇALVES TEUS CANTOS OUVÍ.



 


que todo dia floresce
cultura que rejuvenesce
a revovução que se promete
o mundo te agradece
teu nome revela em prece
colaboradora margarett
(ocione-poeta menor)
----------------------------------------



Mulher minha tem que ser
Carinhosa de verdade
Ter vergonha na cidade
Porém na cama perder
Levar ponta e saber
Também não pode zangar
Ser limpa e se perfumar
E me levar café na cama
Também provar que me ama
Antes do sol despontar
(ocione-poeta menor)



    

                                                                                                       

Nenhum comentário:

Postar um comentário